Região metropolitana prevê atuação contínua e coletiva

Para Erasmo Gomes, o fundamento de região metropolitana é de uma visão ampliada na formulação e implementação políticas públicas

  • 11
  •  
  •  
  •  
  •  

Ao longo de seis semanas, o USP Analisa discutiu o funcionamento e a importância das regiões metropolitanas. No último programa da série, o docente da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto da USP, Erasmo José Gomes, faz um balanço sobre as entrevistas e os temas analisados.

“O fundamento das regiões metropolitanas é de um processo de racionalização e otimização de políticas públicas, de uma visão ampliada na formulação, implementação e avaliação de políticas públicas e na gestão da região metropolitana e dos municípios. Então, a ideia é de sinergia, de se trabalhar de uma maneira mais coletiva, de se conseguir ver o todo de uma região, a sociedade que vive nessa região, e não os municípios de uma maneira fragmentada, isolada, cada um defendendo seu interesse particular”, afirma ele.

Erasmo José Gomes – Foto: Divulgação/FEARP-USP

Para o professor, nenhuma região metropolitana está totalmente consolidada, pois há sempre oportunidades de melhoria em seus instrumentos de governança. “Acredito que, de maneira geral, os maiores desafios das regiões metropolitanas sejam no aprendizado e na atuação coletiva e conjunta dos municípios e, por consequência, nos mecanismos de coordenação e governança. Não menos importante, acredito que seja a construção de uma identidade metropolitana, do que pode se chamar de cidadão metropolitano. Essa sensação de pertencimento a uma região, a uma cultura, a uma história conjunta facilita o entendimento de problemas e de pensar a região como um todo e não no seu município, no seu bairro, num problema muito pontual que esteja enfrentando. É um pouco aquela máxima: pensar localmente e agir globalmente”, diz.

O programa vai ao ar na Rádio USP em três horários: sexta (21) às 11h30 (somente para Ribeirão Preto), quarta (26) às 21h e domingo (30) às 11h30. O USP Analisa é uma produção conjunta da Rádio USP Ribeirão Preto (107,9 MHz) e do Instituto de Estudos Avançados Polo Ribeirão Preto (IEA-RP) da USP.

Por: Thais Cardoso, Assessoria de Imprensa do IEA-RP

  • 11
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados