Promoção de vinhos europeus pode esconder falsificação

Para Mauro Marcelo Alves, os eventuais compradores precisam ficar espertos e confiar no fornecedor

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

logo_radiousp790px

Foto: Visualhunt
Foto: Visualhunt

Vale a pena comprar vinhos estrangeiros em promoção?  A tentação é grande, aponta o enófilo Mauro Marcelo Alves, mas é preciso ter certeza de que esses vinhos, geralmente procedentes de países da Europa, são mesmo legítimos, uma vez que custam menos do que os vinhos produzidos no Brasil, na Argentina ou no Chile.

Há sempre o risco de que esses vinhos sejam falsificados, sobretudo quando se leva em conta que a Europa perde bilhões de euros com falsificações de vinhos e destilados – a Espanha é o país que mais sofre com a ação dos falsificadores.

Segundo Marcelo Alves, os vinhos mais caros são, geralmente, os mais falsificados.

.

.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados