Projeto Remama leva sobreviventes de câncer de mama ao remo

Iniciativa é uma parceria entre Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp) e unidades da USP

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

No ano de 2013, a Escola de Educação Física e Esporte (EFEE), o Centro de Práticas Esportivas (Cepeusp) e o Icesp passaram a oferecer a prática do remo na Raia Olímpica da Universidade para mulheres sobreviventes do câncer de mama. A parceria promove a socialização das participantes e serve à pesquisa da EEFE.

O diretor técnico do Cepeusp diz que o mais importante do projeto é o seu conceito, que tira o rótulo de paciente e passa a tratar a pessoa como um aluno. 

Foto: Marcos Santos / USP Imagens

Para Solani, uma das mulheres participantes do programa, enquanto o hospital cuida da doença, na Raia Olímpica o cuidado é com a saúde. Ela destaca a importância de remar com mulheres que tiveram a mesma experiência que a dela. A participante conta também a respeito da integração internacional que existe com programas similares ao redor do mundo.

O Jornal da USP, uma parceria do Instituto de Estudos Avançados e Rádio USP, busca aprofundar temas nacionais e internacionais de maior repercussão e é veiculado de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 9h30, com apresentação de Roxane Ré.

Você pode sintonizar a Rádio USP em São Paulo FM 93.7, em Ribeirão Preto FM 107.9, pela internet em www.jornal.usp.br ou pelo aplicativo no celular.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados