Professor de ética comenta caso de “cola virtual” na USP

Uma sindicância foi aberta para apurar o caso, que envolve mais de 200 estudantes

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Cecília Bastos/USP Imagens
Foto: Cecília Bastos/USP Imagens

A Universidade de São Paulo investiga uma novidade no que se refere às artimanhas de estudantes. Descobriu-se, na Escola Politécnica, que a velha cola está sendo usada e adaptada aos novos tempos por um grupo alunos.

Na unidade mais voltada ao cálculo, à precisão e às novas tecnologias, foi encontrado um grupo no WhatsApp, chamado “Honestidade”, dedicado à cola virtual. Em entrevista, Renato Janine Ribeiro, professor de Ética da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) da USP, comenta os encaminhamentos do processo de investigação.

.

.

 

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados