Produção agroecológica é mais sustentável e tem menor impacto ambiental

Luiz Carlos Machado Filho explica que é necessária uma mudança nos paradigmas das produções agrícola e animal para que ainda seja possível gerir alimento no planeta

O programa Ambiente é o Meio desta semana conversa com Luiz Carlos Pinheiro Machado Filho, professor do Departamento de Zootecnia e Desenvolvimento Rural da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), sobre seus estudos sobre a produção animal sustentável, voltada à agroecologia e ao bem-estar animal.

O professor comenta que o atual modelo de produção de carne no Brasil, que segue o padrão mundial, não é sustentável. “Essa produção, assim como na agricultura, tem alta produtividade, mas demanda muita energia fóssil e muitos recursos naturais. A consequência é um impacto ambiental muito forte”, diz Machado Filho.

Ele aponta que não se pode considerar apenas os aspectos econômicos, mas olhar também a questão ambiental. “Vivemos em um planeta com 7,5 bilhões de habitantes, o que resulta em 0,6 hectare de terra agrícola por pessoa, ou seja, é uma superpopulação. Na natureza, quando há uma superpopulação, existe um colapso para que a população entre em um novo equilíbrio. Porém, o homem consegue manipular a natureza e, por isso, conseguimos produzir alimento numa escala impensável anteriormente”, explica.

Algumas maneiras de se ter uma criação animal agroecológica são a rotação de culturas, a sucessão vegetal, a redução de produtos de síntese química, o respeito à agricultura de família. “Essas questões devem estar embasando um novo paradigma de produção, no qual a produtividade também é fundamental”, afirma o professor.

Ele finaliza explicando que a mentalidade das pessoas precisa mudar, antes de mais nada. “Vamos ter de dividir melhor os recursos, com mais racionalidade. Precisamos de um planeta mais sustentável, com princípios de solidariedade e justiça social. Para isso, alguns paradigmas terão de ser repensados”, completa o professor Machado Filho.

Ouça a íntegra do programa Ambiente é o Meio no link.


Ambiente é o meio

Apresentação: Professores Marcelo Marine Pereira de Souza e José Marcelino de Resende Pinto (ambos professores da FFCLRP)
Coordenação: Rosemeire Talamone
Produção: Marcelo Marine Pereira de Souza e José Marcelino de Resende Pinto (ambos professores da FFCLRP)
Edição Geral: Cinderela Caldeira
Edição Sonora: Mariovaldo Avelino e Luiz Fontana
E-mail: ouvinte@usp.br
Você pode sintonizar a Rádio USP em São Paulo FM 107,9; ou Ribeirão Preto FM 107.9, ou pela internet em www.jornal.usp.br ou pelo aplicativo no celular para Android e iOS .
.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.