Privatização da Ceagesp pode melhorar o sistema atual de distribuição de alimentos

Decio Zylbersztajn, professor da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da USP, acredita que um processo bem estruturado será benéfico para o setor

O presidente Jair Bolsonaro decidiu repassar o controle da Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (Ceagesp) para o governo estadual. Após receber a Ceagesp, o governo pretende iniciar o processo de privatização da empresa, que deverá ser concluído ao longo do ano que vem.

Decio Zylbersztajn, professor da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA) da USP e coordenador do Programa de Estudos dos Sistemas Agroindustriais, acredita que a privatização pode resultar numa melhora no sistema atual de distribuição de alimentos. Zylbersztajn explicou quais as possíveis consequências para o consumidor, tanto em relação à qualidade do alimento quanto aos preços.

O professor demonstrou preocupação com possíveis dificuldades jurídicas e com a apresentação do conjunto que será privatizado. Zylbersztajn ainda apontou para novas possibilidades tecnológicas para o setor de distribuição de alimentos.

Confira acima a matéria completa.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.