Presidente eleito dá início à formação do novo governo

Uma medida positiva para a comunidade universitária, na opinião de Singer, foi a indicação de Marcos Pontes para ministro

  • 3
  •  
  •  
  •  
  •  

Neste período pós-eleição, de formação do próximo governo, o presidente eleito Jair Bolsonaro já definiu a intenção de fundir ministérios e indicou o astronauta Marcos Pontes como ministro da Ciência e Tecnologia. Também deu sinais de que as universidades federais poderão passar para o âmbito daquele ministério.

Ainda em relação ao resultado das eleições, o cientista político André Singer diz que houve realmente uma redução da distância entre o primeiro e o segundo colocado – de 18 para 10 pontos porcentuais. “Na reta final, houve uma compreensão de que as declarações, a postura e até mesmo aspectos do programa do candidato, que afinal acabou eleito, traziam ameaças à democracia, e uma parte do eleitorado sentiu que deveria então fazer um voto contrário, e o fez”, o que não foi suficiente, porém, para impedir a vitória do candidato do PSL. Resta agora acompanhar os rumos do novo governo eleito para comandar o destino do País.

  • 3
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados