Preservação da Amazônia é um assunto sério, alerta pesquisador

Para especialista, a política de preservação precisa ser pautada da forma certa, pois o impacto ambiental não atinge apenas a população local, mas todo o País

  • 193
  •  
  •  
  •  
  •  

O programa Ambiente é o Meio desta semana traz entrevista com o biólogo Lucas Ferrante, graduado em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Alfenas (Unifal), mestre e doutorando em Ecologia pelo Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa) e atualmente pesquisador associado do Centro de Estudos de Serviços Ecossistêmicos da Amazônia e do Centro de Estudos Integrados da Biodiversidade Amazônica, este vinculado ao Inpa.

A Amazônia é considerada uma grande âncora ambiental para o Brasil, já que é a maior floresta tropical do mundo e a sua conservação é tema de discussões e financiamentos internacionais, especialmente pela sua importância na regulação do clima global.

Ferrante diz que um estudo recente apontou que a Amazônia tem 18% de degradação e que quando chegar a 25%, os danos serão irreversíveis, ou seja, começará a perder os serviços ecossistêmicos que a floresta propicia e isso será totalmente irreparável. “Existe um plano da bancada ruralista para destruir por completo a Amazônia e explorar até a última árvore. Algumas pautas já entraram em vigor e outras que a bancada tentou colocar em vigor, e a gente conseguiu esclarecer alguns pontos do quanto essas ações poderiam ser nocivas, inclusive tendo o retrocesso do Senado em algumas delas”, conta.

O pesquisador explica também a importância da Amazônia para o Brasil. Ele diz que ela é responsável por exportar vapor d’água para a região Sudeste do Brasil, as frentes úmidas saem da Amazônia e se espalham pelas regiões. Mas as frentes úmidas só conseguem se manter se as florestas estiverem preservadas.

Ferrante diz que “quando a gente pensa em Amazônia, achamos que é algo muito distante e que não faz parte do nosso cotidiano, mas o papel da Amazônia é mais importante do que imaginamos e do que conhecemos. A preservação da Amazônia tem função crucial para a manutenção das chuvas no Sudeste”.

Ambiente É o Meio é uma produção da Rádio USP Ribeirão Preto em parceria com professores da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP) da USP e Programa USP Recicla da Superintendência de Gestão Ambiental (SGA) da USP.

Ouça acima na íntegra o programa Ambiente é o Meio.

  • 193
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados