Prejuízos constantes fazem “The Guardian” mudar formato

Para colunista, problema financeiro não será resolvido com essa decisão e precisará ser melhor equalizado

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

O jornal britânico The Guardian anunciou que começará a circular em formato tabloide em 2018. Essa mudança faz parte de um plano de três anos de redução de custos. Na coluna dessa semana, o professor e jornalista Carlos Eduardo Lins da Silva comenta a crise estrutural da imprensa e a situação do Guardian entre os leitores dos Reino Unido.

Ouça a coluna na íntegra.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados