Paulo Saldiva diz que frio aumenta o drama dos moradores de rua

Segundo Saldiva, entre os moradores de rua há um número muito grande de doentes mentais, alcoólatras, esquizofrênicos e dependentes de drogas

 20/06/2016 - Publicado há 5 anos  Atualizado: 11/04/2017 as 18:58

20161019_diafrio_colunistasaldiva
Foto: Visual Hunt

 

 

 

 

 

 

 

O frio intenso que tem feito em São Paulo nas últimas semanas trouxe para o primeiro plano um problema social relativamente comum nas grandes cidades, o dos moradores de rua.

O professor Paulo Saldiva lembra que, por terem uma saúde já fragilizada, eles são as vítimas preferenciais em períodos de frio intenso, pois muitos se recusam a ir para os albergues destinados a  abrigá-los, alegando uma série de motivos. Para Saldiva, há que haver uma solução para esse grave problema social.

logo_radiousp_790px

 


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.