Os misteriosos raios cósmicos representam uma ameaça?

Cada centímetro quadrado da Terra é atingido diariamente pelos raios cósmicos ao ritmo de uma partícula por segundo

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Raios cósmicos não são propriamente raios, mas partículas subatômicas – elétrons, nêutrons, entre outras – que chegam à Terra vindas de todas as direções do espaço. São extremamente penetrantes, dotadas de alta energia, e se deslocam a velocidades próximas à da luz no espaço sideral.

Os raios cósmicos continuam representando um enigma. Sabe-se que boa parte deles vêm de supernovas, estrelas de alta energia que explodiram. Mas pouco se sabe da origem dos raios de energia ultra-alta, e nem mesmo se eles são formados por partículas elementares conhecidas, ou se seriam partículas estranhas.

Na coluna Entender Estrelas desta semana, o professor João Steiner fala um pouco desses misteriosos raios e se eles oferecem algum perigo para a Terra. Ouça no áudio acima.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •