O uso excessivo de anti-inflamatórios pode causar lesões

A utilização desses medicamentos tem se tornado frequente, causando doenças como a insuficiência renal

O boletim Pílula Farmacêutica desta edição explica a lesão dos rins causada pelo uso excessivo de anti-inflamatórios. Os órgãos são os principais responsáveis pela filtração do sangue e pela eliminação de substâncias tóxicas que possam estar presentes no organismo. 

Alguns medicamentos utilizados com frequência podem causar lesão renal se forem usados de maneira incorreta, e entre eles estão os anti-inflamatórios não esteroidais, os AINEs, principalmente quando são utilizados cronicamente. 

O principal efeito maléfico dos AINEs para os rins é a redução da capacidade renal de filtrar o sangue. Essa redução pode até ser tolerada sem maiores complicações por pessoas com rins saudáveis, porém, o maior problema ocorre naqueles indivíduos que já têm insuficiência renal e, portanto, já apresentam uma filtração diminuída ou comprometida. Nesses casos, existe grande risco de falência renal aguda, uma situação que pode levar à  hemodiálise de urgência.  

O boletim é apresentado pelos alunos de graduação da Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP) da USP, com supervisão da professora Regina Célia Garcia de Andrade. Trabalhos técnicos de Luiz Antonio Fontana.

Ouça acima, na íntegra, o boletim Pílula Farmacêutica.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.