O mapa não é o território

O grande problema da gestão do big data é a dependência dos dados e a falta de sensibilidade para a dinâmica social

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Para um gestor, ter um mapa completo de dados é importante, mas o essencial é entender a dinâmica do sistema social. Ficar muito dependente dos dados é ficar dependente do sistema. Novos recursos devem funcionar como especialistas ou conselheiros, portanto, é preciso que a intuição, a sensibilidade e a gestão dos dados estejam alinhadas. Uma cidade pode ficar dependente de uma empresa de dados. Porém, é preciso lembrar que a tecnologia pertence à empresa, mas os dados são do cliente.

Para melhorar a gestão pública é preciso aprender com o computador. O principal ponto é: como entender o que perguntar? O computador é excelente para responder, mas péssimo para fazer pergunta.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados