“Anatomia Responde” explica a importância do intestino grosso para a saúde

Falhas nos processos das divisões desse intestino podem levar à diarreia

  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  

Nesta edição Anatomia Responde, o professorLuis Fernando Tirapelli, do Departamento de Anatomia da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP) da USP, fala um pouco sobre o intestino grosso e as porções que compõem esse órgão.

Segundo o especialista, as divisões do intestino grosso são: o ceco, local onde desemboca o conteúdo vindo do intestino delgado (grosso), região onde se encontra o apêndice vermiforme; os cólons, maior porção subdividida em ascendente, transverso, descendente e sigmóide; e a última e menor porção é o reto, que tem aproximadamente 20 cm, onde se acumulam as fezes. “A absorção de água que ocorre no intestino grosso é responsável pela consistência das fezes. Falhas nesse processo pode desencadear a diarreia, causada por viroses e ingestão de alimentos estragados, por exemplo”, cita Tirapelli.

Este boletim Anatomia Responde foi produzido pela parceria das Faculdades de Odontologia (Forp) e de Medicina (FMRP) da USP em Ribeirão Preto. Vai ao ar de segunda e sexta-feira, às 14h30, na USP FM Ribeirão, em 107,9 MHz, e USP FM São Paulo, 93,7 MHz. Ouça acima, na íntegra, o Anatomia Responde. Em caso de dúvidas envie e-mail para mcentrin@forp.usp.br ou tirapeli@fmrp.usp.br

  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados