Muito além de colocar alunos na universidade

Para Renato Janine Ribeiro, ampliar o acesso à universidade é positivo, mas é fundamental revisar alguns pontos na área

  • 710
  •  
  •  
  •  
  •  

Em sua primeira coluna Ética e Política de 2019, o professor Renato Janine Ribeiro faz uma análise da seguinte questão: no Brasil, o acesso à universidade deve ou não ser para todos?

O colunista lembra de uma reportagem do Jornal El País, que mostrou que a ampliação do acesso à universidade melhorou o nível social da população espanhola.

Entretanto, segundo o professor, não basta colocar mais alunos nas universidades. É necessário pensar na enorme quantidade de faculdades existentes no Brasil, como as que oferecem cursos de Direito. Muitas delas são ruins, nem todos os alunos se formam e poucos obtêm o registro da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) para advogar. “É preciso reverter isso”, alerta o colunista.

Outro ponto é que fazer um curso universitário não é necessariamente garantia de emprego ou de um mercado de trabalho fixo. “É preciso entender que a ampliação necessária do acesso à universidade significa também fazer uma revisão do que é um curso universitário”, destaca Janine

Ouça, no link acima, o áudio na íntegra.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  • 710
  •  
  •  
  •  
  •