Moedas digitais voltam às manchetes dos noticiários

Desconfiança marca a ação de países estrangeiros em relação às chamadas criptomoedas

As criptomoedas não são aceitas por países estrangeiros. A França anunciou que não admitirá, em hipótese alguma, que a moeda do Facebook entre em seu território. Já a China busca bloquear a entrada da criptomoeda, criando a sua própria moeda. Governo e bancos centrais também alertam para os riscos e fraudes realizadas em todo o mundo pelos bitcoins. Esse ainda é um território bastante inexplorado, diz o professor Gilson Schwartz. Há um movimento internacional para utilizar a internet e a rede digital, com sua estrutura de blockchain, para escapar dos cartórios, do controle dos governos e dos bancos centrais. Houve até uma reunião no Japão, de uma rede mundial de pesquisa, sobre inovação em moedas, sociais e complementares.

Saiba mais no http://sites.usp.br/Iconomia


Iconomia 
A coluna Iconomia, com o professor Gilson Schwartz, vai ao ar toda segunda-feira às 8h30, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção  do Jornal da USP e TV USP.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.