Mercosul e União Europeia, uma relação mais próxima e possível

Colunista fala sobre a importância do acordo entre os dois blocos econômicos, que foi anunciado com euforia na semana passada

Anunciada na semana passada, a viabilização do acordo comercial entre o Mercosul e a União Europeia foi recebida com euforia. “Este acordo ainda vai ser finalizado por força da necessidade de ajustes jurídicos e econômicos. Mas sua primeira e maior função será o fortalecimento do comércio internacional entre os dois blocos”, afirma Pedro Dallari. “Com a redução e até a aniquilação de tarifas, vai se facilitar a troca de produtos entre os países pertencentes aos blocos.”

Para o colunista, este acordo representa o adensamento e a evolução que se dão no processo de integração no mundo globalizado. “É importante recordar que o atual governo brasileiro sempre se colocou contra o processo de globalização, mas acaba por comemorar a assinatura desse acordo que é um marco no combate ao isolacionismo, na direção de uma maior integração entre os países”, lembra Dallari.

O professor ainda salienta que o tratado engloba 33 países – os 28 europeus e cinco sul-americanos, apesar de a Venezuela estar momentaneamente afastada do Mercosul. “Esse acordo junta 780 milhões de pessoas, mais que duas vezes a população dos Estados Unidos, e representa quase um terço da economia mundial. Ele é muito expressivo.”

Ouça no player acima a íntegra da coluna Globalização e Cidadania.


Globalização e Cidadania
A coluna Globalização e Cidadania, com o professor Pedro Dallari, vai ao ar toda quarta-feiraa às 8h, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.

 

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.