Manifestantes do último domingo e do dia 15 têm perfis distintos

Idade, cor e classe social são algumas das diferenças, diz Renato Janine. Para ele, educação cresce como pauta na sociedade

Há pautas que são diversificadas conforme a idade, a cor e a classe social das pessoas. Em sua coluna desta semana, Renato Janine Ribeiro aponta que nas manifestações do dia 15 de maio, em favor da educação, houve forte presença de jovens e negros. Esse perfil é bem diferente daquele observado nas manifestações ocorridas no último domingo, dia 26 de maio, convocadas pelo presidente Jair Bolsonaro: brancos, acima de 40 anos. Para Janine, a médio e a longo prazo, a pauta da educação é mais forte e poderosa do que a pauta do ódio e da repulsa, e da pauta daqueles que arrancaram a faixa em defesa da educação da fachada da Universidade Federal do Paraná. Mesmo assim, a ciência e a tecnologia ainda correm risco em nossa sociedade.

Para o colunista, houve uma participação menor de pessoas nas manifestações em favor de Bolsonaro. Mesmo assim, essa participação foi significativa, sobretudo em alguns lugares, embora as imagens das emissoras de TV fossem muito difíceis de avaliar, pois davam muito close. “Eu acredito que uma televisão séria deveria colocar um drone em cada cidade importante para verificar isso”, sugere o professor.

Outro ponto é que a pauta do dia 15 não era exatamente contra Jair Bolsonaro. Era uma pauta em defesa da educação, ameaçada pelo atual presidente e seu governo. De acordo com o professor, as manifestações pela educação acabam sendo contra o governo, uma vez que ele está adotando políticas que ameaçam a educação.

Já as manifestações do último domingo tiveram várias pautas, que vão desde a contestação das instituições, como o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal, até a acusação de que algumas pessoas são “comunistas”, quando, no espectro político, são de direita ou extrema-direita. Mas Janine identifica algo de mais racional nas manifestações em favor do governo: a defesa das reformas propostas pelos ministros Paulo Guedes e Sérgio Moro – o que não quer dizer que sejam pautas boas, na visão do colunista.

Ouça, no link acima, o áudio na íntegra.


Ética e Política
A coluna Ética e Política, com o professor Renato Janine Ribeiro, vai ao ar toda quarta-feira às 8h30, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •