Lazer passou a ser parte imprescindível na vida das pessoas

Pesquisa mostrou que homens preferem mais práticas esportivas e mulheres, atividades de cunho social

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Entre os dias 28 de agosto de 1º de setembro São Paulo sediou o 15º Congresso Mundial de Lazer, 20 anos depois da edição realizada no Brasil, em 1998. Criada em 1952, a associação não governamental, sem fins lucrativos, composta de indivíduos e organizações de várias partes do mundo, é comprometida com a crença que boas experiências no lazer melhoram a qualidade de vida de todos, da infância à vida adulta.

Para explicar a importância do lazer, conversamos com o vice-diretor e professor associado da Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH) da USP, Ricardo Ricci Uvinha. Ele comentou sobre a pesquisa O Lazer do Brasileiro, que teve como objetivo identificar o que os brasileiros fazem no lazer, o que ele gostariam de fazer e por que não o fazem. A pesquisa, financiada com apoio do Ministério do Esporte, questionou 2.400 pessoas de todas regiões do País e contou com a colaboração de sete universidades, incluindo a USP.

Você pode sintonizar a Rádio USP em São Paulo FM 93,7, em Ribeirão Preto FM 107,9, pela internet em www.jornal.usp.br ou pelo aplicativo no celular. Ouça, no link acima, a matéria na íntegra.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados