Intestino grosso faz a reabsorção de água e eletrólitos

O intestino grosso possui um metro e meio de comprimento e é dividido anatomicamente em três porções: ceco, cólons e reto

  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  

Especialista em anatomia humana, o professor Luis Fernando Tirapelli, do Departamento de Anatomia da Faculdade de Medicina (FMRP) da USP em Ribeirão Preto, conta um pouco das funções e importância do intestino grosso na segunda edição do boletim Anatomia Responde desta semana.

Segundo Tirapelli, esse órgão é a última porção do canal alimentar, e responsável pela reabsorção de água e eletrólitos, como sódio e potássio. Nele também ocorre a decomposição e a fermentação dos restos alimentares, além da formação e acúmulo das fezes.

Este boletim Anatomia Responde foi produzido pela parceria das Faculdades de Odontologia (Forp) e de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP) da USP. Ouça acima, na íntegra, o Anatomia Responde.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados