Instituto Moreira Salles, novo endereço da cultura em São Paulo

Para Wisnik, o Instituto Moreira Salles destaca-se no cenário da cidade por sua importância arquitetônica e cultural

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

.
Na coluna “Espaço em Obra” desta semana, Guilherme Wisnik fala sobre o Instituto Moreira Salles, recentemente inaugurado na Avenida Paulista. Para o colunista, trata-se de uma obra-prima da arquitetura contemporânea. “O IMS é um exemplar bastante notável do que a gente chama de arquitetura contemporânea”, com sua estrutura metálica e sua fachada de vidro “leitoso”.

O projeto do edifício, assinado pelo escritório Andrade Morettin Arquitetos, foi vencedor de um concurso público e, na opinião de Wisnik, não poderia estar mais bem situado: em plena Avenida Paulista, muito próximo das ruas Consolação e Augusta, um trecho de intensa vida urbana. Segundo Wisnik, a Paulista deixou de ser um eixo do capital financeiro para tornar-se um eixo cultural. Acompanhe a íntegra do comentário no link acima.

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados