Imprensa norte-americana sofre maior assédio de sua história

Para Lins da Silva, existe esforço coletivo e coordenado para cercear liberdade de expressão nos Estados Unidos

No início de agosto, várias organizações que defendem a liberdade de imprensa nos Estados Unidos lançaram em parceria um site para monitorar atentados contra a mídia naquele país. Em sua coluna semanal, o professor e jornalista Carlos Eduardo Lins da Silva comenta a iniciativa, considerando a situação preocupante que a imprensa e os jornalistas norte-americanos enfrentam atualmente, e analisa o que considera ser um dos piores ataques à liberdade de expressão da história.

Ouça na íntegra.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.