Idoso brasileiro perde precocemente autonomia para realizar tarefas diárias

Mudanças de hábitos alimentares e inclusão de atividade física mudariam o quadro de dependência

 

O assunto da coluna de hoje é a qualidade de vida do idoso, a saúde e o bem estar físico e mental. Uma pesquisa feita na Faculdade de Saúde Pública (FSP) da USP mostra que o brasileiro caminha para o envelhecimento não conseguindo se quer ter autonomia para realizar tarefas básicas do dia a dia,  como  tomar banho e se alimentar sozinho. Acrescido ao quadro de dependência, existem as doenças crônicas: pressão alta, obesidade e diabetes. Uma das causas apontadas pela pesquisa é a obesidade e o sedentarismo, questão que poderia ser resolvida com mudanças de hábitos alimentares e a inclusão de atividade física em sua rotina diária.

Ouça no link acima a íntegra da coluna Corpo e Movimento, com o professor José Carlos Farah.

 

 

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •