Gilson Schwartz comenta atuação do BNDES no governo Temer

Para ele, enfraquecimento do BNDES fará com que empresas sejam obrigadas a se endividar no setor privado e no exterior

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

cab_gilson

.
Segundo colunista da Rádio da USP, nos últimos meses o BNDES tem atuado de maneira diferente no governo Temer, reduzindo o crédito no setor público, o que não é tradicional nos momentos de crise e implica a migração em busca de crédito no setor privado. Além disso, o banco ainda deve pagar empréstimos de R$ 100 bilhões tomados do tesouro nacional, o que, segundo Schwartz, significa um enfraquecimento do BNDES.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados