Guilherme Wisnik faz análise de música que marcou a história do Brasil

“Desafinado” – lançada no ano de 1958 – foi um marco da bossa nova

cab_wisnik

20161005_tomjobim_colunistawisnik
Tom Jobim – Foto: Visual Hunt

O colunista Guilherme Wisnik continua sua série de cinco boletins, “Espaço em Obra”, que analisa canções que mudaram a música popular brasileira. O tema dessa vez foi a música “Desafinado”, de Tom Jobim, cantada pelo baiano João Gilberto, um dos pioneiros da bossa nova no País.

Para o professor, a bossa nova foi um marco na história do Brasil, pois ela simbolizava sua entrada definitiva na modernidade. Como explica Wisnik, para as pessoas que não estavam familiarizadas com o novo ritmo, ele poderia soar desafinado em um primeiro momento, pois há um deslocamento evidente entre harmonia, melodia e ritmo. Escute o restante do comentário no áudio abaixo:

logo_radiousp

 

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.