Grande desafio do ensino da engenharia é se abrir para a realidade mundial

“O novo engenheiro precisa saber trabalhar com todos os talentos e conhecimentos complementares que existem, saber trabalhar em equipe, respeitar as outras profissões”, afirma Liedi Bernucci

 23/08/2021 - Publicado há 3 meses
A professora cita, como exemplo, o Projeto Inspire, ventilador pulmonar desenvolvido na pandemia com ajuda da odontologia, medicina veterinária, farmácia, entre outras áreas – Foto: Cecília Bastos/USP Imagens

A Escola Politécnica (Poli) da USP completa 128 anos. Fundada em 24 de agosto de 1893 por Antônio Francisco de Paula Souza, um engenheiro e político brasileiro que pretendia trazer a indústria para o Estado de São Paulo, a Poli e seus engenheiros estiveram presentes em grande parte da história da engenharia e realizando suas obras para a sociedade.

Segundo a professora Liedi Bernucci, diretora da Poli, o grande desafio do ensino da engenharia atualmente é “não ensinar a engenharia compartimentada, mas a engenharia aberta para a realidade que a gente tem no mundo”, como a questão ambiental.

“O novo engenheiro precisa saber trabalhar com todos os talentos e conhecimentos complementares que existem, saber trabalhar em equipe, respeitar as outras profissões e saber que cada um tem o seu conhecimento”, afirma Liedi ao Jornal da USP no Ar 1ª Edição.

A professora cita, como exemplo, o Projeto Inspire, ventilador pulmonar desenvolvido na pandemia com ajuda da odontologia, medicina veterinária, farmácia, entre outras áreas.

Liedi afirma que a USP está com as portas abertas para promover a diversidade. “A gente tem que formar uma elite intelectual com a cabeça aberta para todas as profissões”, afirma. “Fazer tudo isso não é simples, porque a gente precisa não só estar em palavras, mas em ações, e aí vem o acolhimento”, acrescenta. Nessa perspectiva, a professora cita os programas de mentoria.

Os 128 anos da Poli serão comemorados em um evento transmitido no canal Escola Politécnica da USP no YouTube. Mais informações estão disponíveis neste link: www.poli.usp.br/evento/dia-da-poli-128-anos-da-escola-politecnica-da-usp-24-de-agosto-de-2021


Jornal da USP no Ar 
Jornal da USP no Ar é uma parceria da Rádio USP com a Escola Politécnica, a Faculdade de Medicina e o Instituto de Estudos Avançados. No ar, pela Rede USP de Rádio, de segunda a sexta-feira: 1ª edição das 7h30 às 9h, com apresentação de Roxane Ré, e demais edições às 10h45, 14h, 15h e às 16h45. Em Ribeirão Preto, a edição regional vai ao ar das 12 às 12h30, com apresentação de Mel Vieira e Ferraz Junior. Você pode sintonizar a Rádio USP em São Paulo FM 93.7, em Ribeirão Preto FM 107.9, pela internet em www.jornal.usp.br ou pelo aplicativo do Jornal da USP no celular. 


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.