Geopolítica da América Latina já não é a mesma

Segundo Rubens Barbosa, uma série de mudanças deve reconfigurar o relacionamento entre os países da região

  • 2
  •  
  •  
  •  
  •  

O embaixador Rubens Barbosa faz nesta edição algumas considerações sobre a geopolítica nas Américas. Para Barbosa, os EUA perderam o interesse tanto econômico quanto comercial por uma presença mais ativa na região. “Com a nova configuração politica que se estabelecerá, principalmente com o novo governo brasileiro, haverá um mudança no relacionamento entre o Brasil e os EUA.”

No entanto, para o professor, é importante o Brasil definir claramente o que quer na relação com os EUA. “Temos que ter uma agenda concreta, com a consciência de que somos uma das dez maiores economias do mundo, e buscar uma relação madura, objetiva e franca com a América do Norte”, observa.

Barbosa considera também que, com a volta do crescimento interno brasileiro, há uma grande possibilidade de melhoria da competitividade dos produtos brasileiros no Mercosul, e o Brasil poderá exercer uma liderança mais forte na América Latina.

Ouça no link acima a íntegra da coluna Diplomacia e Interesse Nacional.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  • 2
  •  
  •  
  •  
  •