Galáxias são nossas ilhas no oceano do Universo

João Steiner esclarece como e por que o Universo é distribuído nessas espécies de ilhas de estrelas chamadas galáxias

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Galáxia NGC 1300 fotografada pelo telescópio Hubble – Foto: Nasa e ESA

Galáxias como a nossa Via Láctea são como ilhas no Universo, grupos de estrelas (entre gás, poeira e matéria escura) que, em seu conjunto, brilham tanto que podemos enxergá-las a milhões e milhões de anos luz de distância.

As primeiras referências sobre galáxias, com este nome, vieram de Galileu, no século 17, e no século 18 Charles Messier compilou um catálogo do que identificou como nebulosas e galáxias. Muita história se passou e debates foram travados entre os cientistas até chegarmos ao conhecimento que temos hoje das galáxias.

Em sua coluna na Rádio USP, o astrofísico João Steiner nos conta um pouco dessas histórias e da natureza dessas entidades fascinantes. Ouça “Entender Estrelas”, no áudio acima.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados