França caminha em direção à transição energética

José Eli da Veiga chama a atenção para decisão do governo francês de encerrar, até 2040, as vendas de carros com motores a explosão

O governo francês decidiu que, a partir de 2040, será proibida a venda de veículos movidos a gasolina e óleo diesel. A ideia é que, até lá, os carros híbridos elétricos substituam toda a frota. Segundo o professor José Eli da Veiga, ainda há discussões sobre a data, pois os que são ligados às questões ambientais defendem 2030 como data limite. De outro lado, há os que acreditam que o prazo, até 2040, não seja tempo suficiente. “Mas será uma lei”, ressalta Eli da Veiga. “O fato é que as montadoras já estão prontas para a transição energética.”

Eli da Veiga também chama atenção para os resultados das últimas eleições do Parlamento Europeu. “Embora a extrema-direita tenha crescido, pudemos perceber que os Verdes começam a ter impulso na Europa”, analisa o colunista. Após uma evolução complicada, segundo o professor, os Verdes tiveram na França um excelente resultado nas eleições, quando surgiu Yannick Jadot, um quase desconhecido, que é agora a principal liderança verde naquele País. “Ele já era deputado europeu há dez anos e agora teve uma votação expressiva”, lembra.

Ouça no link acima a íntegra da coluna Sustentáculos.


Sustentáculos
A coluna Sustentáculos, com o professor José Eli da Veiga, vai ao ar toda segunda-feira às 8h00, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •