Flávio Carrança e Cláudia Alexandre analisam a equidade racial no jornalismo brasileiro

Eles falam sobre a Comissão de Jornalistas pela Igualdade Racial (Cojira-SP) e sobre como o racismo institucional limita a presença profissional negra nas corporações midiáticas

 28/06/2021 - Publicado há 4 meses
Por

No Diversidade em Ciência, Ricardo Alexino Ferreira entrevista os jornalistas Flávio Carrança e Cláudia Alexandre, membros da Comissão de Jornalistas pela Igualdade Racial (Cojira-SP) do Sindicato de Jornalistas Profissionais do Estado de São Paulo. Eles falam sobre a equidade racial no mercado jornalístico.

Flávio Carrança, diretor da Cojira-SP, é coautor da coletânea Diversidade nas empresas e equidade social, publicada pelo Centro das Relações de Trabalho e Desigualdades (CEERT), e do livro Espelho infiel, publicado pela Imprensa Oficial do Estado de São Paulo.

Cláudia Alexandre é doutoranda em Ciências da Religião, pela PUC-SP, e autora dos livros Na Fé de Vivaldo de Logunedé: Um Pouco do Candomblé na Baixada Santista (Editora Secretaria de Cultura de Santos), Vai-Vai: Orgulho da Saracura (AB Editora) e Orixás no Terreiro Sagrado do Samba (Editora Fundamentos de Axé).


Diversidade em Ciência

O Diversidade em Ciência é um programa de divulgação científica voltado para as ciências das diversidades e direitos humanos, e vai ao ar toda segunda-feira, às 13 horas, com reapresentações às terças-feiras, às duas horas da manhã, e aos sábados, às 14 horas, com direção e apresentação do jornalista e professor da ECA-USP e membro da Comissão de Direitos Humanos da USP, Ricardo Alexino Ferreira, e operação de áudio de João Carlos Megale.

O Diversidade em Ciência é gravado nos estúdios do Departamento de Comunicações e Artes/Educomunicação, da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP).

A Rádio USP-FM pode ser sintonizada em 93,7 MHz/SP ou pelo link http://jornal.usp.br/radio/

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.