FGTS aprova linha de crédito para santas casas e hospitais filantrópicos

O programa destinará R$ 956 milhões para financiamento em 2018

  • 18
  •  
  •  
  •  
  •  

O Conselho Curador do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço – FGTS aprovou uma linha de crédito destinada às santas casas e hospitais filantrópicos e sem fins lucrativos. A decisão foi publicada no Diário Oficial da União no dia 19 de setembro. Serão disponibilizados R$ 956 milhões para financiamento, a juros de 8,66% ao ano e prazo de amortização de cinco a 15 anos. O objetivo é pagar as dívidas desses hospitais.

Segundo o diretor da Faculdade de Saúde Pública da USP, Oswaldo Yoshimi Tanaka, a partir da Constituição de 1988, os hospitais filantrópicos e santas casas passaram a prestar serviços diretamente para o sistema público de saúde do País. Contudo, o processo de endividamento se deu porque eles não tinham um processo de gestão adequado. “Se não melhorar a capacidade de gestão, organizar melhor o trabalho, racionalizar a operação, esse dinheiro não dará conta de recuperar os hospitais ”, afirma Tanaka.

Para o professor Luciano Nakabashi, da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da USP de Ribeirão Preto, o financiamento é viável, mas o valor disponível é pouco se comparado à necessidade de investimento na área de saúde. “A grande questão dos hospitais, o principal custo, é a manutenção”, lembra.

Ouça no link acima a íntegra da entrevista.

  • 18
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados