Ferramenta ajuda startups em processo de internacionalização

O projeto é resultado de um consórcio entre a USP e oito universidades europeias e latino-americanas

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Universidade de São Paulo, através da Agência USP de Inovação (Auspin), está contribuindo com uma ferramenta inédita à internacionalização de startups, empresas iniciantes, na área de tecnologia. Trata-se do projeto Spin-off Lean Acceleration (SOLA), realizado através de um consórcio de oito universidades europeias e latino-americanas. Flávia do Prado Vicentin, doutora em Administração de Organizações da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA) de Ribeirão Preto da USP e agente de inovação responsável pelo campus de Ribeirão Preto e Bauru, explicou no que consiste a nova ferramenta.

A internacionalização, ou seja, levar a empresa para fora do País, é um processo complicado. A especialista conta que geralmente as startups brasileiras possuem um amplo mercado, mas não pensam na vertente internacional logo de início. Em mercados mais maduros, o processo é diferente, a internacionalização é um objetivo já no começo da empresa. A nova ferramenta, que é on-line, foi criada para auxiliar essas empresas a alcançar o mercado exterior.

O contexto de criação da metodologia se deu através de pesquisa. Foi verificado que as empresas que surgem na USP possuem dificuldade de estruturação durante essa etapa. A partir de trabalhos realizados com essas empresas, surgiu um checklist com oito itens, dentre os quais estão: seleção e pesquisa de mercado, averiguar aspectos regulamentares e logísticos do país ao qual a startup pretende se internacionalizar e definir qual a estratégia a ser utilizada no mercado.

Jornal da USP, uma parceria do Instituto de Estudos Avançados, Faculdade de Medicina e Rádio USP, busca aprofundar temas nacionais e internacionais de maior repercussão e é veiculado de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 9h30, com apresentação de Roxane Ré.

Você pode sintonizar a Rádio USP em São Paulo FM 93.7, em Ribeirão Preto FM 107.9, pela internet em www.jornal.usp.br ou pelo aplicativo no celular. Você pode ouvir a entrevista completa no player acima.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados