Falta de saneamento favorece surgimento da “Salmonella”

O saneamento básico nos protege da exposição a micro-organismos como a “Salmonella”, bactéria responsável por intoxicação alimentar

 

Foto: Rocky Mountain Laboratories/Niaid via Fapesp

Salmonelose é uma doença causada pela bactéria Salmonella e provoca náuseas, vômito, falta de apetite, cólica e diarreia. A professora Maria Tereza Pepe Razzolini, da Faculdade de Saúde Pública da USP, explica que a transmissão se dá pela água, alimentos contaminados e ambientes com muita precariedade sanitária, onde não há tratamento sanitário. “Se uma alface é irrigada com uma água contaminada, ela pode chegar ao consumidor contaminada com essa bactéria”, explica Maria Tereza.

A professora ressalta que não existem superbactérias Salmonella, mas já existem algumas com resistência aos antimicrobianos. Quanto mais resíduos de agrotóxicos na água, de fármacos, dentre eles os antimicrobianos, maior o risco de alteração do perfil dos micro-organismos, possibilitando o surgimento de cepas mais resistentes a antimicrobianos.

Ouça no link acima a íntegra da entrevista.

 

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.