Excesso de conteúdo na internet não é um problema

Para o professor, a principal questão é o modo como enxergar o volume de informações presentes hoje em dia

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Nesta semana, o professor Luli Radfahrer comenta o excesso de conteúdo presente hoje em dia, principalmente na internet, e o modo como as pessoas reagem a isso. Em muitos casos, esse exagero pode levar ao desespero. Para ele, a questão gira em torno do jeito como encaramos as informações advindas da web, e não do conteúdo em si. É necessário primeiramente entender que boa parte desse conhecimento não será acessada.

Outro ponto é que as redes sociais viraram uma grande fonte de informação para a população, devido ao seu enorme volume de conteúdo. Para o professor, no entanto, é preciso ter cuidado. Entender que as redes sociais são, antes de tudo, um espaço de socialização é fundamental. Nele, assim como em um bar, um restaurante ou em uma praça, nem tudo o que se ouve deve ser levado a sério. Para saber mais sobre o assunto, ouça a coluna no player acima.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •