Estudantes de 68 retomaram os temas da liberdade, igualdade e fraternidade

A explosão estudantil daquele ano baseou-se nos princípios democráticos da Revolução Francesa e espalhou-se pelo mundo

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

 

A liberdade estudantil, que começou na Europa, com manifestações estudantis, alastrou-se por vários países, entre eles o Brasil e os Estados Unidos. O significado mais importante desse movimento foi a retomada dos grandes ideais da Revolução Francesa. O assunto é o tema do professor Alberto do Amaral Jr. na coluna especial desta semana, que trata do cinquentenário de 1968.

Ouça no link acima a íntegra da coluna Um Olhar sobre o Mundo.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados