Emprego informal cresce e impacta o consumo

Para Nakabashi, a tendência é que haja uma recuperação mais forte no setor formal neste ano

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Na coluna “Reflexão Econômica” desta semana, o professor Luciano Nakabashi fala sobre o crescimento do emprego informal. A situação demonstra recuperação lenta da economia e presença de fatores como menor qualidade do serviço e insegurança dos trabalhadores,  que se somam a menor acesso ao crédito e limitam o consumo.

Para o professor, a tendência é que haja uma recuperação mais forte no setor formal neste ano, porque a combinação da taxa de juros mais baixas; redução da inadimplência e endividamento de famílias e empresas; e mercado de trabalho mais estabilizado vão estimular o consumo. Ouça, no link acima, a íntegra da coluna do professor Luciano Nakabashi.

Por: Giovanna Grepi

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados