Economias emergentes atraem investidores andorinhas em busca de ganhos de capital

No Brasil, a justificativa para manter os juros altos é a falta de definições no campo político

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

cab_gilson

logo_radiousp790px

Foto: Montagem/Visualhunt
Foto: Montagem/Visualhunt

Os mercados emergentes voltaram a ser o paraíso do chamado capital andorinha, ou seja, aquele investidor cujo principal objetivo é aproveitar as taxas de juros elevadas e ganhar o máximo possível, no menor prazo. Segundo Gilson Schwartz, este ano, o real sofreu uma valorização da ordem de 25%. Tal política torna mais baratas as importações, é boa para a política inflacionária, mas péssima para as exportações.

Segundo ele, os mercados emergentes podem se prevenir seguindo o exemplo da Islândia, que adotou medidas eficazes para conter o capital especulativo.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •