Democracia está, aos poucos, se espalhando pelo mundo

Só um dos dez países mais populosos do planeta não realiza eleições livres para escolher seus representantes

  • 2
  •  
  •  
  •  
  •  

Neste mês de abril, a Índia e a Indonésia — dois dos países mais populosos do mundo — vão realizar eleições. A partir disso, o colunista Pedro Dallari comenta como a democracia vem se disseminando pelo mundo como um padrão de funcionamento. Ele ressalta que, quando diz democracia, se refere mais ao acontecimento de eleições para a escolha de representantes. Afinal, o conceito dessa palavra é mais amplo, abrangendo participação permanente da população, mecanismos de controle etc. A questão é que, segundo o professor, “não há democracia sem eleição”.

Dallari ainda diz que essa difusão da democracia acontece independentemente da localização. “Dos dez países mais populosos do mundo, apenas a China não faz eleições livres.” Assim, apesar dos recentes retrocessos, ele considera que esse processo demonstra uma evolução. Há uma reafirmação da cidadania no mundo globalizado.

Confira no link acima a íntegra da coluna Globalização e Cidadania.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  • 2
  •  
  •  
  •  
  •