Decisões do governo Bolsonaro afetam qualidade da democracia

Na opinião de Álvaro Moisés, recentes medidas afetam o funcionamento do País, do governo e a qualidade da democracia

Um decreto do presidente da república extinguiu um enorme conjunto de conselhos, equipes, juntas, mesas e fóruns criados em governo anteriores, que davam oportunidades a segmentos da sociedade civil para discussões de políticas públicas e tomadas de decisões. A justificativa do governo foi a economia de recursos e uma organização melhor de seu funcionamento. No entanto, na opinião do professor José Álvaro Moisés, a extinção de aproximadamente 600 conselhos leva a um desestímulo da sociedade civil. Outra situação que chamou a atenção foi a intervenção do presidente em relação ao funcionamento da Petrobras. A empresa iria anunciar um aumento de 5% do diesel, mas Bolsonaro entrou em contato direto com a empresa e pediu que o reajuste não fosse efetivado. A decisão, tomada de cima para baixo, levou a um prejuízo na Bolsa de Valores calculado em R$ 32 milhões.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  • 10
  •  
  •  
  •  
  •