Crise de desabastecimento faz governo apelar novamente para Forças Armadas

Medida mostra que, em situações de crise, quando o governo não consegue resolver o problema, utiliza recurso excepcional até mesmo para a Constituição brasileira

A intervenção das Forças Armadas já tinha sido utilizada durante conflito no Rio de Janeiro. Agora, foi novamente solicitada pelo governo para garantir que caminhoneiros pudessem transitar nas estradas e o abastecimento de veículos fosse retomado, mas não foi isso o que aconteceu. Segundo o professor José Álvaro Moisés, neste momento, a preocupação dos militares é que esse envolvimento em situações que têm uma complexidade de causas que não podem ser resolvidas de maneira imediata prejudique a sua imagem.

Textos relacionados