Como os valores republicanos atuam na sociedade?

Valores que visam à igualdade entre todos norteiam e acompanham a República desde suas origens

Nesta edição, o boletim Em dia com o Direito fala sobre o republicanismo, um conjunto de valores e princípios que fazem parte da República.

A República surgiu devido ao detrimento da relação entre governante e governado, algo que levou a oposição do povo à monarquia. Os fatores determinantes para a manifestação a tal governo foram a não distinção entre o patrimônio que pertencia à população e ao rei, a esfera política, na qual o poder se concentrava nas mãos de poucos, e a desigualdade social.

O republicanismo é um conjunto de princípios e valores que norteiam a república em seus traços essenciais. Entre suas características, está a negação de qualquer tipo de dominação ou superioridade hierárquica, defesa e difusão das virtudes cívicas, estabelecimento do Estado de direito, em que ninguém está acima da lei, a democracia participativa, a separação entre o patrimônio público e o do governante. Todos os valores estão relacionados à igualdade e proíbem que o governo esteja apenas a serviço de alguns.

O Em dia com o Direito é produzido e apresentado por alunos do curso de especialização em Direito Civil: Novos Paradigmas Hermenêuticos nas Relações Privadas e coordenado pelo professor Nuno Coelho da Faculdade de Direito de Ribeirão Preto (FDRP) da USP.

Ouça, no link acima, a íntegra do boletim.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.