Como decifrar a luz das estrelas?

O astrônomo tira informações detalhadas do espectro de uma estrela assim como um cardiologista traduz um eletrocardiograma

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Os astrônomos analisam a luz de duas maneiras: sob a forma de imagens ou de espectros. Embora as imagens sejam de fato mais belas, a espectroscopia é uma técnica importantíssima porque decompõe a luz (ou outra radiação eletromagnética) em seus elementos, ou seja, o espectro. Um exemplo é o arco-íris – mas no caso do estudo da luz das estrelas o resultado é muito mais do que sete cores: o espectro traz informações extremamente detalhadas. “Quando o astrônomo bate o olho em um espectro ele pode dizer qual a idade, a massa, a composição química, o raio da estrela, sua história”, diz o professor João Steiner, que aborda o assunto na coluna Entender Estrelas veiculada na Rádio USP esta semana. Ouça acima.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados