Combustível muito barato pode estar adulterado

Pesquisador do IPT alerta que é preciso desconfiar de preços muito baixos

Com a alta do valor dos combustíveis em decorrência da elevação  das alíquotas do PIS/Cofins pelo Governo Federal, muitos consumidores estão buscando postos que ofereçam preços menores. O pesquisador Marcelo Mendonça, do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), alerta que é preciso desconfiar de valores muito baixos, já que há risco de adulteração.

Mendonça, mestre em engenharia química pela USP e responsável pelo Laboratório de Combustíveis e Lubrificantes do IPT,  explica como se proteger da adulteração e aponta quais os casos mais comuns.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.