Colunista festeja os 100 anos da Bauhaus

As ideias da escola inspiraram a proposta pedagógica da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Na coluna desta semana, Guilherme Wisnik comenta sobre os 100 anos da mais importante escola de arte e design alemã, comemorados neste mês de abril. Fundada em 1919 pelo arquiteto Walter Gropius, em Weimar, na Alemanha, ela unificou várias disciplinas das artes, como arquitetura, escultura, pintura, desenho industrial e até as consideradas inferiores, como cerâmica, tecelagem e marcenaria.

Criada logo após a derrota da Alemanha na Primeira Guerra Mundial, a Bauhaus associou a arte integrada e aplicada à ideia de design como projeto integrado. Wisnik explica que o destaque da escola foi essa “formulação de um ensino de uma obra de arte total”. Reuniu as grandes figuras na área da arquitetura, da pintura e do design de mobiliário. Embora tenha durado apenas 14 anos, a escola formou toda a concepção do design e da arquitetura moderna. O professor destaca que foram essas ideias que inspiraram a concepção da proposta pedagógica da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP.

Acompanhe o comentário completo pelo link acima.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados