Colunista destaca as boas notícias sobre o desenvolvimento sustentável

São elas o relatório do clima, divulgado na Coreia do Sul, e o Prêmio Nobel de Economia, outorgado a cientistas preocupados com as questões ambientais

  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  

Para José Eli da Veiga, duas notícias veiculadas nos últimos dias mostram sinais de avanço em direção ao desenvolvimento sustentável. O relatório do clima, divulgado pela Organização das Nações Unidas (ONU) na semana passada, após encontro do clima na Coreia do Sul, traz a sugestão de manter o aquecimento global em, no máximo, 1,5 grau centígrado (°C), ao invés de 2 °C , como era o consenso anterior. “O outro fato importante, que também considero um avanço, foi o Prêmio Nobel de Economia outorgado a Willian Nordhaus e Paul Romer”, diz o colunista. De acordo com Eli da Veiga, Nordhaus é um dos pioneiros nos estudos de economia em relação às questões climáticas e à sustentabilidade.

No Brasil também há boas notícias. Eli da Veiga conta que o País está entre os oito finalistas do Prêmio de Políticas para o Futuro (Future Policy Awards FPA), coorganizado pela Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO), o World Future Council (WFC) e a Ifoam – Organics International. O Brasil é finalista com a Política Nacional de Agroecologia e Produção Orgânica (PNAPO). A seleção foi feita a partir de 51 políticas apresentadas por 21 países. “É uma excelente notícia, mas pena que nenhum jornal ou revista deu a devida atenção ao fato”, lamenta o colunista.

  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados