Colunista comenta ofensiva de Bolsonaro contra instituições do governo

Um poder Executivo que não tem limite é o caminho reto para o autoritarismo, diz Singer

“O presidente Bolsonaro, se sentindo fortalecido pela aprovação em primeiro turno da reforma da Previdência na Câmara, está radicalizando uma ofensiva contra diversas instituições de controle.” A opinião do cientista político André Singer tem como alvo a declaração dada ontem (21), pelo chefe do governo, segundo a qual a Receita Federal tem problemas e estes se resolvem com a troca de pessoas. Nesse rol, também entram instituições como a Polícia Federal e a Procuradoria Geral da República. Para Singer, tal ofensiva é muito grave, porque, na verdade, afeta um mecanismo fundamental da democracia, já que a uma parte das instituições cabe controlar as outras.

“Se você retira o poder fiscalizatório, o poder de controle das instituições, você passa a ter um poder Executivo que não tem limite – isso é o caminho reto para o autoritarismo”, afirma Singer. Essa intenção, no entanto, não fica clara para a maior parte do eleitorado, o que eleva a gravidade de todo esse episódio. Resta saber como as instituições vão reagir a essa ofensiva, que tem um momento-chave na indicação do filho do presidente para o cargo de embaixador em Washington, algo inédito,  já que Eduardo Bolsonaro, na opinião do colunista, não tem habilidade suficiente para exercer um cargo numa embaixada crucial para os interesses do Brasil. No entanto, caberá ao Senado “descascar” esse abacaxi.

Acompanhe, pelo link acima, a íntegra da coluna Poder e Contrapoder.


Poder e Contrapoder
AA coluna Poder e Contrapoder, com o professor André Singer, vai ao ar toda quinta-feira às 9h, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.

 

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.