Campanha promove mutirão de testes para detecção do HIV

Coordenador do projeto explica importância da iniciativa no controle da transmissão do vírus

  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  

jorusp

Nesta sexta-feira (7), o Ambulatório Especializado em HIV/Aids, a Casa da Aids do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP, realiza mutirão de testes rápidos para detecção do HIV, no Largo da Batata, em Pinheiros. O resultado do teste é obtido em cerca de 15 minutos. O atendimento é gratuito e acontecerá das 10h às 17h. As tendas serão montadas ao lado da estação Faria Lima do Metrô, linha amarela.

O coordenador do projeto é o médico Ricardo Vasconcelos, infectologista do Hospital das Clínicas. Ele explica que o Brasil é referência mundial no controle do vírus do HIV e no tratamento da Aids. Segundo ele, a taxa de mortalidade caiu cerca de 16% em três anos. Isso é resultado de um esforço exemplar do Ministério da Saúde no combate ao vírus. “Já temos como fazer com que ninguém mais morra de Aids no Brasil, basta que as pessoas acessem os insumos de testagem e tratamento já disponíveis pelo Sistema Único de Saúde.”

Vasconcelos também fala da importância de se detectar o vírus no organismo da pessoa, para que o tratamento seja realizado o mais rápido possível. Ele explica que os medicamentos utilizados nesse tratamento estão cada vez melhores, com menos efeitos colaterais, além do mais importante: são extremamente eficazes. O maior desafio é encontrar todos que possuem o vírus. “Uma pessoa que vive com o HIV e faz o tratamento corretamente deixa de transmitir o vírus para outra pessoa por via sexual sem preservativo.”

Para ele, a importância das campanhas é influenciar todos a se testarem para ver se possuem o vírus. O teste oferecido pelo mutirão é realizado por fluido oral, ou seja, saliva, e a capacidade de diagnóstico é muito grande. O resultado sai em cerca de 15 minutos. A ação integra a Campanha Nacional de Prevenção ao HIV/Aids e outras infecções sexualmente transmissíveis, denominada Dezembro Vermelho pela Luta contra a Aids.

Ouça no link acima a íntegra da entrevista.

jorusp

  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados