Brasil é exemplo mundial no combate ao tabagismo

No entanto, esse bom resultado está ameaçado pelo uso cada vez mais crescente dos cigarros eletrônicos

Na edição de hoje o médico João Paulo Lotufo afirma que o Brasil ocupa a liderança no ranking de combate ao tabagismo dentre as 171 nações que aderiram às medidas globais da Organização Mundial da Saúde. O País conseguiu reduzir a taxa de adultos fumantes de 35% para 9,3% nos últimos 35 anos. Entretanto, apesar de ser uma boa notícia, uma epidemia recente dos cigarros eletrônicos ameaça os bons resultados.

Acompanhe, pelo link acima, a íntegra da coluna Doutor Bartô e os Doutores da Saúde.


Dr. Bartô e os Doutores da Saúde
A coluna Dr. Bartô e os Doutores da Saúde, com o médico assistente do Hospital Universitário da USP João Paulo Lotufo, vai ao ar toda terça-feira às 10h00, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.