Amsterdã permite o uso da maconha, não sua liberação

Amsterdã tem, desde os anos 1970, espaços que são usados para o consumo livre de maconha

  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  

Os coffee shops surgiram com uma política de drogas mais tolerante. O objetivo da medida era descriminalizar o usuário e, ao mesmo tempo, combater o tráfico e o crime organizado. Atualmente, esses estabelecimentos viraram ponto turísticos do país. Parte das pessoas que visitam Amsterdã passa por um dos cerca de 200 coffee shops da cidade, nem que seja só para ver como esses lugares são por dentro. Dr. Bartô fala sobre esses espaços em sua coluna desta semana. Acompanhe pelo link acima. 

 

  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados