“Alimentos contaminados por óleo podem chegar a nossas mesas”

Colunista alerta sobre despreparo instititucional e possíveis consequências cotidianas dos vazamentos no Nordeste

Na coluna de hoje, Paulo Saldiva comenta sobre o vazamento de óleo que atinge o litoral nordeste do País, colocando a região em situação de vulnerabilidade. Não se sabe exatamente as causas dessa contaminação, mas as consequências já são perceptíveis no ecossistema, com a morte e adoecimento de diversas espécies, e também na economia e na saúde para a população que vive do turismo e da pesca.

O especialista alerta que é possível que animais contaminados cheguem a nossas mesas por uma cadeia eutrófica, ou seja, “um plâncton pode ser alimento para uma alga, que será alimento para um peixe, enfim. Esse ciclo continua e pode vir a nos afetar também”. Outro fator que exige atenção é o despreparo do instrumento público de proteção ambiental, que não se mostra eficiente pela falta de recursos e pelo uso político de situações como essa.

Saiba mais ouvindo a coluna Saúde e Meio Ambiente na íntegra.


Saúde e Meio Ambiente
A coluna Saúde e Meio Ambiente, com o professor Paulo Saldiva, vai ao ar toda segunda-feira às 9h30, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção  do Jornal da USP e TV USP.

.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.